Ir para o conteúdo principal
logoImage

Brazil

Comidas típicas da região Sudeste

A região sudeste é a que concentra a maior população em comparação às demais e a que mais atraiu imigrantes que buscavam e, ainda, buscam, ter uma melhor condição de vida. Os estados que formam a região são:
 ●   São Paulo
 ●   Rio de Janeiro ●   Minas Gerais ●   Espírito Santo
A região sudeste começou a ser povoada a partir da descoberta do ouro e de outras pedras preciosas ainda no século XVII e a presença das pessoas fez com que outras atividades começassem a ser desenvolvidas nos estados como o comércio, a agricultura e a pecuária.
O cultivo de café também foi marcante e figurou entre as atividades econômicas, mas conforme o tempo passou, as atividades industriais começaram a ocupar espaço e fez com que a região fosse a mais industrializada do Brasil.
Atualmente, é possível afirmar que o estado de São Paulo é o coração do país, porque concentra os negócios e a sua capital é a maior do Brasil. Para se ter uma ideia, somente ele é responsável por mais de 30% do Produto Interno Bruto do País (PIB). O que  atrai também o turismo de negócio para as cidades paulistas, inclusive na capital e região metropolitana.

Origem da gastronomia da Região Sudeste

As comidas do sudeste sofreram influências diretas de acordo com o desenvolvimento da colonização em nosso país.
Culinária capixaba (ES)
Assim, a gastronomia do estado do Espírito Santo foi diretamente marcada pelos jesuítas na parte litorânea do estado mais os índios que já estavam lá, assim como os imigrantes da Itália e Alemanha que viveram no estado capixaba.
Culinária paulista (SP)
Os pratos típicos de São Paulo foram diretamente influenciados pelos imigrantes que vieram da Itália e estabeleceram residência no estado. Além deles, os bandeirantes também trouxeram sua contribuição para a comida. Vale lembrar que os imigrantes do Japão também marcam presença até hoje culinária paulista. 
Culinária fluminense (RJ)
As comidas típicas do Rio de Janeiro contam com características que foram trazidas desde a época da colonização. Portanto há influências gastronômicas de Portugal e Espanha. Além disso, os imigrantes do Oriente Médio também deixaram suas contribuições como os sírios e libaneses.
Culinária mineira (MG)
Já  em Minas Gerais, os portugueses influenciaram diretamente o cardápio que tem entre os destaques o tradicional pão de queijo,a famosa couve mineira, entre outros pratos típicos mineiros.

Culinária do Sudeste: quais os principais ingredientes da região

Conhecer quais são os principais ingredientes que figuram nas comidas da região sudeste é uma maneira efetiva de começar a vivenciar uma experiência gastronômica ainda melhor. Confira abaixo a lista dos ingredientes mais usados em cada estado:
Comida típica mineira
O estado que mais se mantém fiel às características da comida típica do sudeste é Minas Gerais, pois em suas receitas a presença de milho, feijão e a carne de porco é marcante.
Comida típica capixaba
Já a culinária do Espírito Santo tem como tradição os peixes, cultura que foi herdada dos índios e dos negros, mas os ingredientes usados nos pratos também sofrem influência dos europeus a partir da presença do fubá, da batata, da carne de porco, do azeite e dos ovos.
As panelas de barro são características da cozinha capixaba. Elas que são feitas de forma artesanal, dão um charme a mais na refeição.
Comida típica do Rio de Janeiro
As comidas típicas do Rio de Janeiro têm a herança dos portugueses e isso fica evidente devido a presença do bacalhau e do frango em muitos pratos, mas não só esses ingredientes que são encontrados.
A herança deixada pelos índios e pelos africanos também está presente seja na hora de tomar um mate gelado, comer uma tapioca e almoçar o indispensável feijão com arroz, entre outros.
Comida típica de São Paulo
Os  principais ingredientes usados nas comidas típicas de São Paulo são a farinha de milho, a mandioca, a carne-de-sol e a carne seca.
Eles são os mais usados, porque era necessário que os tropeiros se adaptassem ao trabalho árduo que eles precisam desenvolver na região.

Pratos típicos mais famosos do Sudeste

Moqueca Capixaba
A moqueca capixaba é o prato mais conhecido do Espírito Santo. O nome dele está relacionado a maneira como o alimento é preparado. 
Para a produção, o alimento é cozido sem água, mas diretamente com os frutos do mar e os vegetais que fazem parte. Diferentemente da moqueca servida na Bahia, a capixaba não usa nem leite de coco e nem azeite de dendê.
Frango com quiabo
É claro que quem deseja saber quais são as comidas típicas de Minas Gerais logo pensa no pão de queijo, mas o frango com quiabo está nesta lista. Considerado como um prato clássico de Minas Gerais, a junção dos 2 alimentos resulta em um ensopado, porém o diferencial dela está no uso do frango caipira.
Feijoada
Sim, quem está na capital do Rio de Janeiro ou em Angra dos Reis deve aproveitar para comer uma feijoada, pois ela é um dos principais pratos do estado. A receita é a tradicional que usa pedaços de linguiça, paio, costelinha e carne seca e vem acompanhada de arroz branco, couve e farofa.
Cuscuz Paulista
Ele é um verdadeiro prato típico paulista que está presente no almoço e no jantar. Ele que veio do interior do estado é fácil de ser preparado a partir da união da farinha de milho com tomate, ovos, camarão e palmito.

 Melhores hotéis e destinos na Região Sudeste

Para provar os principais pratos do Sudeste e viver uma experiência gastronômica, não há nada melhor do que ficar uns dias nas principais cidades de cada estado.
Tudo isso pode ficar ainda melhor quando se tem a oportunidade de viver experiências locais que são imersivas e para ter acesso a isso é mais do que necessário estar perto de pessoas que contam com um conhecimento genuíno da cidade, pois assim a experiência gastronômica ficará ainda melhor e trará marcas da história do local.
Praça da Liberdade em BH
Quem estiver em Belo Horizonte para provar o frango com quiabo pode aproveitar a estada para conhecer alguns pontos turísticos da capital mineira.
A Praça da Liberdade é considerada como um dos passeios turísticos mais famosos. Ela é linda, conta com construções de arquitetura eclética. Além disso, o visitante ainda pode aproveitar para visitar museus e centros culturais que são bem próximos. Estando em BH, você pode ficar hospedado no Mercure Belo Horizonte Savassi.  
Centro Cultural em Vitória
Outra cidade que deve ser visitada é a capital do Espírito Santo. Quem vai à cidade, precisa conhecer o Centro Histórico, pois é a partir dele que será possível entender mais sobre a formação da cidade, as suas raízes e como o tempo foi modificando as situações, além é claro de visitar as praias que são belíssimas. Visite a Avenida Paulista
Não existe um passeio mais tradicional que visitar a Avenida Paulista em São Paulo. No entanto, o diferencial está justamente em percorrer toda a sua extensão. O percurso pode ser feito de bike. O que torna o passeio ainda mais agradável e ecologicamente correto. A pessoa que for passear pela Avenida Paulista pode ficar hospedado bem pertinho do coração da capital, no Mercure São Paulo Paulista, mas quem preferir menos badalação, a dica é o Mercure São Paulo Jardins. Calçadão de Copacabana
Sim, esse é mais um passeio tradicional, porém tem coisa melhor do que sentir a brisa da Praia de Copacabana? Não tem, não é mesmo? Então, seja para tomar um banho de mar ou para passear, dar uma passadinha na Princesinha do Mar é imperdível. Para aproveitar o passeio em Copacabana, nada melhor do que ficar bem pertinho. Essa opção você tem com o Mercure Rio Boutique Hotel Copacabana e, ainda usufrui do QCeviche!, especializado em comida peruana com influência carioca
Quem preferir dar uma esticadinha até Angra dos Reis pode aproveitar a estada no Mercure Angra dos Reis  e o Restaurante Angra dos Reis, especializado em comida regional e, ainda, passear de lancha ou de escuna pelas principais praias e ilhas.

Veja como preparar uma bebida com cara do RJ: Deu Mate

No calor que faz, seja na capital carioca ou em Angra dos Reis, o melhor é tomar um mate gelado. Confira abaixo a receita.
Ingredientes
50ml de rum branco30 ml de xarope de gengibre20 ml de sumo de limão siciliano20 ml de xarope de açúcar70 ml de mate infusionado com pimenta da Jamaica Modo de preparo
Bater todos os ingredientes na coqueteleira. E servir na taça de vinho branco com gelo. E para impressionar os convidados na hora de preparar esse drink refrescante, a dica é decorar com um zest de limão siciliano, bouquet de hortelã e como acompanhamento um biscoito globo.
Só de falar já deu água na boca, né? Essa receita que você acabou de conferir foi desenvolvida pela Thamiris de Oliveira e você encontra com exclusividade no restaurante QCeviche!, do Mercure Rio Boutique Hotel Copacabana

Vantagens exclusivas com o Mercure

Quem fica hospedado em um Mercure sabe que sempre poderá degustar bebidas regionais repletas de sabor, como a bebida Deu Mate. Mas uma outra vantagem, além de poder mergulhar no melhor da gastronomia regional, é que por meio do programa de fidelidade ALL - Accor Live Limitless, você terá acesso a benefícios de resgate de experiências gastronômicas exclusivas que o programa oferece aos seus clientes. Por isso, para continuar aproveitando não só a Deu Mate como também outras experiências gastronômicas de outros locais, faça agora mesmo a sua reserva e tenha dias de descanso com boa comida!

Descubra nossos hotéis Mercure

Outros endereços locais

A EXPERIÊNCIA MERCURE

Surpreendente. Espontâneo. Sustentável. O Mercure está enraizado na área local, permitindo aos hóspedes a liberdade de descobrir os arredores com estilo. Ao inspirar uma paixão pela exploração local de alimentos e bebidas, conectamos os hóspedes à singularidade de seu destino e ao modo de vida local.